Brasil

Ator Tarcísio Meira morre aos 85 anos, vítima da Covid-19

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Dia triste para a cultura brasileira. O ator Tarcísio Meira morreu nesta nesta quinta-feira (12/8), aos 85 anos, vitima de complicações da Covid-19. Ele estava internado desde o dia 6 de agosto, quando precisou ser intubado. Apesar do tratamento, o artista não resistiu.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

Tarcísio Pereira de Magalhães Sobrinho nasceu em 5 de outubro de 1935 e estreou na TV em 1959. Ao lado de sua esposa, Gloria Menezes, estrelou a primeira novela diária brasileira, 2-5499 Ocupado, na extinta TV Excelsior, em 1963. Cinco anos depois, foi contratado na Globo, de onde saiu em 2020, após 53 anos de relação com a emissora.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

Um de seus papéis mais marcantes foi João de Irmãos Coragem, em 1970. Na década seguinte, Renato Villar de Roda de Fogo também fez sucesso. Em 1988 estrelou um seriado com a mulher, que levava o nome do casal. Já em 1990 protagonizou Araponga, como Aristênio Catanduva.

Também se destacam Raul Pelegrini de Pátria Minha (1994), Giuseppe Berdinazzi de O Rei do Gado (1996), João Medeiros de Um Anjo Caiu do Céu (2000), o Bóris de O Beijo do Vampiro (2002) e o Tide de Páginas da Vida (2006). Na TV, o papel mais recente foi o do Lorde Williamson de Orgulho & Paixão (2018). Tarcísio também passou pelo cinema, tendo feito pelo menos 19 papeis nas telonas.

A trajetória justifica a avalanche de prêmios a que foi indicado ao longo da vida — incluindo o Troféu Imprensa e o da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA). Foram pelo menos 15 prêmios como melhor ator conquistados entre 1973 e 2021.

Vida pessoal

Tarcísio passou quase 60 anos de sua vida casado com Glória Menezes, com quem teve seu único filho, o também ator Tarcísio Filho. Ele também é padrasto de João Paulo e Maria Amélia, filhos que sua esposa teve no primeiro casamento. O casal de artistas era reconhecido por ter uma das uniões mais sólidos do meio artístico.

Glória também foi internada com a doença, mas seu quadro evoluiu com menos gravidade e ela não precisou ser intubada. Ela e marido chegaram a receber as duas doses da vacina que protege contra o coronavírus.

Fonte: Metrópoles


Comente