Brasil

Auxílio emergencial 2021 começa a ser pago em abril; veja como vai funcionar

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

auxílio emergencial 2021 começará a ser pago em abril, de forma mais restrita. Para essa nova edição, não foram reabertos os pedidos de novos benefícios.

Grupos de notícias no WhatsApp ou Instagram

Com isso, o pagamento seguirá o calendário do Bolsa Família e, no caso dos demais beneficiários, incluindo trabalhadores informais, as datas podem ser consultadas a partir de 1º de abril, no site Consulta Auxílio

O Ministério da Cidadania esclareceu que não há necessidade de um novo cadastro, uma vez que foi aproveitada a base de dados de 2020 e a atualização do cadastro no aplicativo Caixa Tem (iniciada no dia 14 de março e que vai até o dia 31). Pelas novas regras, os beneficiários receberão até quatro parcelas. 

Os benefícios terão três faixas de valores: R$ 150 para pessoa que mora sozinha; R$ 250 para famílias (geridas por homens ou casais) e R$ 375 para famílias geridas por mães solteiras. Com esses ajustes, o número de beneficiários em 2021 deve ser reduzido de 68 milhões para 46,6 milhões.

Datas do pagamento e dúvidas

Para saber se está incluído na nova edição do auxílio emergencial e quais serão as datas, basta acessar, a partir de 1º de abril, o site Consulta Auxílio

Bolsa Família

Os participantes do Bolsa Família e os inscritos no CadÚnico (Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal) não precisarão fazer a consulta.

O auxílio emergencial será depositado automaticamente, desde que atendam às condições estabelecidas para o pagamento do auxílio de 2021. Para o Bolsa Família, será pago o benefício de maior valor: o do programa social ou o auxílio emergencial.

Mais informações

O Ministério produziu um material com respostas para as principais dúvidas sobre a nova edição do auxílio emergencial. Basta clicar aqui

Fonte: CNN Brasil


Comente