Taió

Câmara aprova Dia Municipal em Memória às Vítimas da Covid-19 em Taió

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

A Câmara de Vereadores de Taió aprovou projeto de lei que institui o Dia Municipal em Memória às Vítimas da Covid-19. A proposta que foi aprovada por unanimidade tanto na primeira quanto na segunda votação, foi apreciada em redação final durante a sessão desta segunda-feira (21).

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

A iniciativa foi proposta pelo presidente da Câmara de Vereadores de Taió, William Henrique Noriller e pelo vice-presidente Ricardo Oenning (Kakai). O texto do projeto institui 14 de julho como o Dia Municipal em Memória às Vítimas da Covid-19, que marca o exato dia em que o município de Taió registrou a primeira vítima da doença, no ano de 2020.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

O presidente da Câmara destaca que o objetivo é prestar uma homenagem à memória das vítimas e ao mesmo tempo servir como momento de reflexão sobre todos os danos causados. “Todos nós esperamos muito pelo dia que essa pandemia seja controlada e vencida para que possamos voltar à normalidade, mas não podemos esquecer das vidas que a Covid-19 nos custou, das famílias que foram afetadas, sem contar os danos econômicos que também afetaram as pessoas e os lares. Certamente este não será um dia para ser comemorado, mas sim lembrado”, declarou Noriller.

De acordo com o último boletim divulgado pela vigilância epidemiológica municipal, desde o início da pandemia até agora, Taió já registrou 2268 casos, desses 2220 pessoas se recuperaram, 26 pessoas estão com a doença ativa e 22 não resistiram aos efeitos e morreram.

O vice-presidente da Câmara explicou que a data também busca enfatizar a importância do trabalho dos profissionais da saúde. “Esses profissionais não têm medido esforços no combate a doença e na recuperação de pacientes, os índices dessa doença só não são maiores graças à dedicação de quem atua na saúde”, lembrou Kakai.


Comente