Esporte

Catarinense é eleita a maior personagem das Olimpíadas 2020

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Pancada, muralha, bola dentro, recuperada, na cabeça da adversária. Lances que fizeram a oposta Rosamaria Montibeller cair nas graças da torcida que acompanhou a seleção brasileira de vôlei nas Olimpíadas.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

Aos 27 anos, a catarinense foi uma das oito estreantes das 12 convocadas pelo técnico José Roberto Guimarães. Não bastasse a contribuição no retorno das mulheres ao pódio – o Brasil ficou de fora na Rio 2016 – a atleta se tornou peça fundamental na melhor campanha da modalidade entre os brasileiros nos Jogos Olímpicos, com a medalha de prata. Credenciais que a tornaram a maior personagem dos Jogos Olímpicos, segundo enquete realizada pelo ge.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

“Na força do ódio”

Com 65.08% dos votos, Rosamaria superou outras medalhistas olímpicas, como Rebeca Andrade, com 15.9%, e Rayssa Leal (8.22%). Alguns dos destaques da jogadora em Tóquio foi na vitória sobre o Comitê Olímpico Russo. Além do protagonismo em lances decisivos, como no último ponto do jogo, as reações explosivas e a raça demonstrada pela oposta da seleção brasileira de vôlei também chamaram a atenção dos torcedores. Até mesmo a sorte parecia andar junto com a atleta, a exemplo de um dos lances separados abaixo.


Comente