Santa Catarina

Celesc alerta para golpes aplicados em nome da empresa

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

A Celesc divulgou nesta terça-feira (10), um alerta aos consumidores que fiquem atentos a tentativas de golpes, registrados em diferentes regiões do Estado. No último mês de julho, clientes residenciais e comerciais de Araranguá, Campos Novos, Balneário Camboriú e São Miguel do Oeste notificaram a Celesc sobre novas ocorrências.

Segundo relatos de consumidores dessas regiões, os golpistas se identificaram como sendo de um cartório de protestos e informaram que o cliente teria seu fornecimento de energia elétrica cortado em decorrência de supostas irregularidades no padrão de entrada da energia.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

Em seguida, os criminosos pediram que o consumidor entrasse em contato por meio de um 0800 para solicitar a regularização junto à distribuidora de energia e confirmar os dados pessoais, como endereço, CPF e nome completo. Eles foram orientados a fazer contato em outro número, supostamente do cartório, e foram direcionados a realizar um depósito judicial em conta bancária, com o objetivo de sanar o débito.

Já em São José, na Grande Florianópolis, uma das vítimas, proprietária de um comércio da região, também recebeu ligação de golpistas que se identificaram como membros de um órgão jurídico, informando suposto débito junto à Celesc. O cliente foi orientado a fazer contato com um número 0800 para recebimento de boleto por e-mail, nominal à Celesc, que deveria ser pago no mesmo dia, sob ameaça de corte do fornecimento de energia do estabelecimento.

Orientações para prevenção

Diante dos casos, o gerente do Departamento de Gestão de Clientes e Faturamento da Celesc, Mateus Silva Nascimento, destaca que a Celesc nunca telefona para os seus clientes, e que os serviços são agendados pelo próprio consumidor, além de que qualquer cobrança e/ou abatimento de valor na conta de energia elétrica sempre é realizada por meio da fatura de energia. “É importante salientar que as faturas de energia são enviadas às unidades consumidoras com identificação visual padrão da Celesc, não há contato com o cliente, nem emissão de boleto bancário ou solicitação de depósito em conta”, afirma.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

Além disso, o gerente alerta os consumidores que estejam atentos a alguns detalhes na mensagem e na fatura que chega por e-mail, como o domínio @celesc.com.br e o banco arrecadador, que deve ser o Banco do Brasil. O beneficiário do pagamento deve ser Celesc Distribuição S.A, a data de vencimento da fatura é escolhida pelo cliente e só é alterada quando o mesmo solicita.

A Celesc também reforça que os clientes que receberem esse tipo de contato devem registrar um Boletim de Ocorrência. Também alerta aos consumidores que não repassem seus dados pessoais, e nem da sua unidade consumidora, por nenhum meio que não seja um canal oficial da Celesc.

Em caso de dúvidas, ligue para: 0800 048 0120 (comercial) e 0800 64 64 050 (para deficiente auditivo).

Fonte: ClicRDC


Comente