SC

CHOCANTE: Mulher vítima de estupro foi concretada em parede após ser morta por pedreiro

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Uma jovem de 25 anos que estava desaparecida desde 27 de setembro foi encontrada concretada na parede de uma obra, na manhã de terça-feira (5), em São Vicente, no litoral de São Paulo. Ela foi estuprada e depois estrangulada até a morte com uma camiseta por um pedreiro, de 56 anos, que confessou o crime. Ele trabalhava na obra onde o corpo foi achado.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

Joice Maria da Glória Rodrigues desapareceu depois de sair para visitar a avó e tinha sido vista pela última vez por volta das 19h. O corpo da estudante estava nu e escondido em um piso recém-feito no banheiro do térreo, embaixo da escada. Quem o descobriu foi o proprietário da obra.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

A possibilidade dela estar morta no local foi levantada por agentes da 3ª Delegacia de Investigações sobre Homicídios do Deic Santos, que investigam o caso. Câmeras de segurança registraram a vítima na rua em que a fica localizada a obra. Ao questionarem o pedreiro, ele informou que esteve com a vítima e que ambos tiveram relações sexuais e utilizaram drogas juntos, mas, depois disso, ela foi embora do local.

Ele desmentiu a versão depois da descoberta do corpo e informou a participação de um outro homem no crime. O suspeito, de 35 anos, também foi preso. Ambos foram ouvidos na delegacia e estão à disposição da Justiça.

Fonte: SCC10


Comente

banner-delta-ativa