Santa Catarina

Deputados apelam para Celesc adiar aumento na energia

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Deputados apelaram à Celesc para postergar aumento de mais de 8% na energia elétrica e defenderam a liberdade de expressão na sessão de terça-feira (25) da Assembleia Legislativa.

+ Faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp, acesse aqui!!

“Me preocupa a questão de manter o reajuste, no mínimo tem de ser suspenso, nossa população tem sofrido com essa pandemia, perdemos milhares de postos de trabalho, chegamos a dois mil óbitos, apelo para que esse reajuste seja no mínimo postergado”, propôs Jair Miotto (PSC).

O deputado destacou a decisão da empresa de excluir dos cortes os consumidores com tarifa social e de protelar os cortes dos demais inadimplentes.

“O corte não está sendo feito”, reforçou Miotto.

Ada de Luca (MDB) também ponderou a inoportunidade do aumento e dos cortes.

“Quero repudiar o aumento da tarifa da energia elétrica, da mesma forma repudiar o corte para os inadimplentes numa época de tanta desgraça”, declarou Ada, acrescentando que a Celesc pediu autorização à Aneel para reajustar a tarifa em 16%.

“O Procon determinou a suspensão do aumento, parabéns ao Procon, o consumidor numa época dessa já não tem dinheiro nem para comer”, enfatizou a deputada.


Comente