SC

Família de SC tenta arrecadar quantia milionária para salvar menino com leucemia

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

A doença do pequeno Thobias, de apenas 1 ano e 10 meses, progrediu e agora a família de Criciúma corre contra o tempo para arrecadar a quantia milionária e iniciar o tratamento contra a leucemia LLA-B. Quem ainda não colaborou a hora é agora para vencer essa batalha!

A família de Thobias faz seu apelo, você pode ajudar através do link: clicando aqui.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

Nossa luta ainda não acabou. Não iremos desistir jamais, mas para isso precisamos mais do que nunca da sua ajuda. Acreditamos ainda em um mundo solidário, onde pessoas “fazem o bem sem olhar a quem”, e esse “quem” é uma criança de apenas 1 ano e 10 meses que ainda não teve a oportunidade de conhecer as coisas simples e gostosas da vida, como ir a uma praia e sentir a areia nos pés, brincar na grama, com os amigos e tudo oque uma criança realmente deveria viver, e é por isso que estamos aqui, queremos proporcionar isso e muito mais.

Amamos demais esse pequeno, para quem ainda não conhece esse carinha super feliz, esse é o nosso filho Thobias, que luta contra a leucemia (Leucemia Linfoblástica Aguda LLA-B do Lactente – Alto Risco) desde 02/09/2020, que agora se tornou refratária.

Nosso pequeno tem sido um guerreiro, se mostrando muito mais forte que nós. Foram meses de quimioterapia, idas ao centro cirúrgico e inúmeros procedimentos, e fomos então indicados para o tão sonhado transplante de medula óssea, onde foram mais alguns meses de tratamento e procedimentos até à realização do transplante no dia 15/04/2021.

E foram dias tensos desde então, esperando que tudo aí se resolveria, mas não foi assim, e a notícia que mais temíamos nos foi dada 87 dias depois do transplante, a leucemia havia voltado, foi assustador, pensamos que perderíamos ali nosso filho. Estávamos em outro Estado (Paraná), e do dia para a noite já estávamos em nossa cidade iniciando os possíveis tratamentos.

Começamos então um tratamento chamado de imunoterapia, pois devido a ele ser recém transplantado não poderia utilizar de quimioterapias convencionais devido a alta toxicidade. Ao final de 32 dias de tratamento com a imunoterapia, a doença havia reduzido  consideravelmente, e víamos aí uma saída, respirávamos um pouco, porem  após 14 dias, novamente a doença voltou com agressividade, tomando mais de 50% da sua medula óssea e essa terapia já não mais era eficaz ou segura.

Já utilizamos dos mais atuais medicamentos disponíveis no Brasil e infelizmente a doença se mostra resistente, tão resistente que foi necessário a retirada de um dos testículos que fora comprometido pela doença.

Agora estamos buscando um tratamento fora do país chamado Car-T Cell, estamos em contato com vários hospitais ao redor do mundo, os destinos que mais nos parecem alcançáveis, ainda sem definição por diversos detalhes são os Estados Unidos e Europa. 

O valor até então esta baseado nas consultas que realizamos, e até agora está em torno de  2.500.000,00 (dois milhões e meio de reais), podendo aumentar em caso de intercorrências não esperadas, estaremos atualizando aqui na medida que formos alinhando as informações junto aos hospitais.

Diante disso, imploramos sua ajuda, Seja orando por nós, seja doando, seja compartilhando ou promovendo nossa campanha.

Formas alternativas para doações:

PIX

Thobias Canarin Schlengman

Chave Pix  – CPF: 153.558.169-75

ou

Transferência bancária

Caixa Econômica Federal

Thobias Canarin Schlengman

CPF: 153.558.169-75

Operação 1288

Conta Poupança: 000866702401-3

Ag. 2225  

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

Fonte: SCC10/VakinhaOnline


Comente