Rio do Sul

Homem agride a companheira e ameaça policiais no Alto Vale

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Na madrugada de sábado uma guarnição da Policia Militar foi acionada via Central Regional de Emergências para atendimento de ocorrência de Lesão corporal leve – Dolosa, na Rua Ruy Barbosa, bairro Sumaré, em Rio do Sul.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

No local dos fatos sendo que ao parar a viatura, um masculino, sem camisa foi até a porta da residência e ao avistar a guarnição, fugiu para os fundos da residência onde pulou a janela e correu em direção ao mato, que a vítima uma mulher de 30 anos, relatou que seu amasio, masculino de 23 anos, estava visivelmente alterado, e quando a mesma pediu para
abaixar o som da TV, quando o mesmo se alterou e começou a agredir a mesma com puxões de cabelo e agarrar a mesma pelo braços.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

O mesmo disse que picaria a mesma com uma faca, caso chamasse a polícia e que tacaria
fogo na casa.

Quando a guarnição chegou o mesmo, pegou algo em um armário, pulou por uma janela dos
fundos da residência em direção ao rio. Que durante a confecção do boletim de ocorrência, a guarnição foi informada por populares, que um masculino, sem camisa, estaria escondido embaixo de um telhado ao lado de um muro sendo que quando a guarnição chegou ao local, visualizou o mesmo agachado, e após o Policial verbalizar e mandar que o mesmo botasse aos mãos sobre a cabeça o masculino levantou abruptamente, e sacou algo de sua cintura com uma das mãos, sendo que neste momento, para evitar injusta agressão, foi emitido um disparo pelo Policial, sendo que o autor se evadiu em direção ao rio novamente.

Após finalizar a confecção do boletim a central recebeu nova ligação de que o masculino havia entrado na casa novamente. Ao chegar no local o mesmo encontrava-se escondido atrás do box do banheiro, sendo necessário uso de força para retirada do mesmo do local, no momento em que a guarnição foi fazer a revista o mesmo voltou a reagir, sendo necessário novamente uso de força.

Após a busca o mesmo começou a desacatar a guarnição. Diante dos fatos a guarnição deu voz de prisão ao masculino e foi conduzido a Delegacia de Polícia Civil.


Comente