Lontras

Homem é condenado a mais de 46 anos de prisão por estuprar enteadas em Lontras

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Um homem foi condenado por estupro de vulnerável após passar dois anos abusando das enteadas. Ambas as meninas tinham 10 anos quando o crime começou. Durante o período, a família passou por cinco municípios: Capão Alto, Caçador, Lontras, Lages e Ascurra.

+ Faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp, acesse aqui!!

A condenação de 46 anos e oito meses foi divulgada pela Justiça da Comarca de Ascurra. O promotor Victor Abras Siqueira, que fez a denúncia, já recorreu da sentença pedindo uma condenação maior. O nome do criminoso não foi divulgado para proteger a identidade das vítimas.

Condenado

Para garantir o silêncio das vítimas, o homem dizia que mataria as duas e a mãe delas. Apesar das ameaças, a menina mais velha, não suportando mais a situação, começou a se recusar a continuar morando com sua mãe e insistiu para morar com a família de um tio, em outra cidade.

Foi então que ela contou ao tio o que estava ocorrendo, o que levou à prisão preventiva do padrasto.


Comente