Economia

INSS: golpes estão prejudicando aposentados e pensionistas

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está alertando aposentados e pensionistas para alguns golpes que estão sendo praticados em várias regiões do país.

RECEBA NOTÍCIAS EU SEU WHATSAPP, CLIQUE AQUI

O INSS informa que na maioria das vezes, o golpista entra em contato por meio de ligação telefônica enviando mensagens aos segurados por e-mail. Eles roubam os dados pessoais e também pedem transferência de dinheiro para a liberação de supostos benefícios.

RECEBA NOTÍCIAS DO ALTO VALE E SANTA CATARINA PELO TELEGRAM

Muitos dos golpistas se passam por integrantes do Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS) com a intenção de pedir transferência de dinheiro para liberar supostos valores de benefícios atrasados.

Os golpistas conseguem convencer os segurados que eles têm direito de receber valores atrasados pagos pela Previdência Social. Então, para liberar o dinheiro, os criminosos pedem os dados pessoais dos segurados, e pedem que seja depositado uma quantia em uma conta bancária.

Falsa revisão de benefício

O aposentado e pensionista precisa ficar muito atento para outro golpe que está sendo aplicado, trata-se da falsa revisão de benefício. Os estelionatários abordam os segurados e dizem que eles vão ter direito a receber valores referentes a uma falsa revisão de benefícios concedidos por governos anteriores. Mais uma vez, eles tentam tirar proveito da inocência do segurado e pedem um depósito em dinheiro para uma outra conta para a revisão fraudulenta.

O INSS alerta que para ter direito às revisões de benefícios, o segurado não precisa fazer nenhum depósito em dinheiro. As revisões são baseadas na legislação em vigor.

Eles também tentam enganar o segurado com uma falsa auditoria geral da Previdência Social. Os criminosos enviam documentos aos segurados convocando para uma Chamada para Resgate.

“Segundo o documento, os segurados teriam direito a resgate de valores devidos a participantes de carteiras de pecúlio que teriam sido descontados da folha de pagamento como aposentadoria complementar”, informou a Previdência Social.

A Previdência Social não pede dados pessoais dos seus segurados por e-mail ou telefone. Os aposentados e pensionistas não devem fornecer dados pessoais através de falsas mensagens ou por e-mail.
Se você foi vítima de algum tipo de golpe, deve procurar a Ouvidoria da Previdência Social e também registrar boletim de ocorrência numa delegacia da polícia civil.

Fonte: Jornal Contábil


Comente