Alto Vale

Paciente vence a Covid recebe alta e recebe pedido de casamento no Alto Vale

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

A gerente-financeira, Franciane Aparecida Buz, 29 anos, teve alta médica depois de permanecer internada durante 55 dias, dos quais 50 intubada na UTI/COVID do Hospital Regional Alto Vale.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

Ao contrário dos outros pacientes, apenas a cunhada estava junto e por ser domingo os funcionários não formaram o tradicional corredor. O que ela não esperava é que familiares e amigos aguardavam no lado de fora com balões, celebrando a vitória. O casal reside no bairro Barra do Trombudo, em Rio do Sul.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

A alegria de Franciane foi em dose dupla. Afinal foi pedida em casamento, depois de 11 anos de namoro. Djoni Godinho, 29 anos, tomou a decisão, mas deixou claro que não foi nenhuma promessa em razão da doença. Com a namorada na cadeira de rodas ele entregou um buquê de rosas, pedido especial para o momento da alta, antes do beijo. Em seguida ao mesmo tempo que tirava a as alianças do bolso traseiro, ajoelhou-se e fez o pedido.

Godinho revelou que apesar da quantidade de pessoas que aguardavam a saída de Franciane, apenas a sua mãe sabia que iria acontecer o pedido. “A decisão não estava programada, tanto que as alianças estão sem os nomes”.

Juntos desde o dia 1º de janeiro de 2010, agora os noivos começam a fazer os planos para o futuro, principalmente porque Franciane venceu a COVID.


Comente