Taió

Pai pede ajuda para cuidar de filha deficiente em Taió

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Seu Arnaldo Costa tem 59 anos e veio para  interior de Taió em busca de sossego e tranquilidade para poder cuidar da filha deficiente, Jjenifer Fernanda da Silva, de 25 anos.

A criança, com idade de mulher, sofre com problemas de deficiência física e retardo mental desde o nascimento.

Confira reportagem completa no vídeo abaixo

Pai pede ajuda para cuidar de filha deficiente em Taió

A causa de seu Arnaldo se torna ainda mais preocupante, pelo momento que ele e a filha deficiente estão atravessando em Taió. Entenda o porquê no vídeo acima.

Tendo em vista que o Benefício de Prestação Continuada (BPC), pago a pessoas com deficiência e de baixa renda, foi suspenso, para poder ajudar a pôr comida na mesa e gerar alguma renda, seu Arnaldo busca meios de sobrevivência. Entenda o porquê o benefício foi cancelado no vídeo acima.

+ Faça parte do nosso grupo de Notícias no WhatsApp, clique Aqui!

CRAS explica porque INSS suspendeu o benefício

CRAS explica a causa da suspensão do benefício realizada pelo INSS, confira na reportagem do vídeo acima.

Assistente Social, demonstra preocupação coma situação de seu Arnaldo e filha, entenda o porquê no vídeo.

Situação de seu a Arnaldo e de Jjenifer, a filha deficiente é complicada

Filha deficiente em Taió
Filha deficiente de seu Arnaldo não recebe benefício

A situação do seu Arnaldo é tão complicada que mesmo que alguém que  agora, assistindo essa reportagem e caso o queira ajudar ficaria impossibilitado, entenda no vídeo acima.

Clique aqui e conheça a história de um caso semelhante.


Comente