SC

Primeira audiência de julgamento do ataque à creche em Saudades acontece nesta quinta-feira (05)

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) ouve na próxima quinta-feira (5) no Fórum de Pinhalzinho, no Oeste catarinense, seis vítimas e nove testemunhas de acusação do ataque a uma creche de Saudades. A audiência é a primeira do caso e acontece um dia após o crime completar três meses.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

O jovem é acusado de matar três crianças e duas profissionais da creche – veja no vídeo acima. Ele teve o seu 4º pedido de exame de insanidade negado pela Justiça em julho. O G1 tentava contato com a defesa até a publicação desta reportagem.

A coleta dos depoimentos terá início às 13h30 e a comunidade e imprensa não poderão acompanhar a audiência, pois o processo corre em sigilo, segundo o TJSC.

“Ali, estarão apenas os depoentes, uma assessora jurídica e um estagiário para operar os equipamentos de gravação das oitivas, em vídeo e áudio. Esses arquivos serão anexados ao processo. Não há tempo limite estipulado para cada fala”, informou o TJSC.

O juiz, Caio Lemgruber Taborda, o promotor de justiça e o advogado de defesa participarão da audiência de forma online. Eles estarão em vídeo no aparelho de televisão instalado na sala para interação com o entrevistado.

“A organização diferenciada se deve em virtude das normas de segurança sanitária devido à pandemia de Covid-19”, disse o órgão.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

No dia 24 de agosto, outra audiência ouvirá mais testemunhas de acusação e o acusado. O jovem falará por videoconferência, em um sala do Presídio Regional de Chapecó. Ele se encontra preso no local desde que recebeu alta médica, oito dias após o crime.

Quem são as vítimas?

  • Keli Adriane Aniecevski, de 30 anos, era professora e dava aulas na unidade havia cerca de 10 anos
  • Mirla Renner, de 20 anos, era agente educacional na escola
  • Sarah Luiza Mahle Sehn, de 1 ano e 7 meses
  • Murilo Massing, de 1 ano e 9 meses
  • Anna Bela Fernandes de Barros, de 1 ano e 8 meses.

Fonte: G1


Comente