Santa Catarina

Reunião de emergência do governo de SC discute paralisação dos caminhoneiros

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Uma reunião de emergência na manhã desta quinta-feira (09), em Florianópolis, vai discutir as ações do governo de Santa Catarina por conta da greve dos caminhoneiros.

Receba notícias eu seu WhatsApp, clique Aqui

A agenda será no centro de gerenciamento de crises da Defesa Civil, no bairro Capoeiras, em Florianópolis. O governador Carlos Moisés da Silva convocou a reunião que terá a presença do Grupo Gestor do Governo, policiais Civil e Militar e outros órgãos para definir ações emergenciais.

Receba notícias do Alto Vale e Santa Catarina pelo Telegram

A coluna apurou que a tendência é definir ações para garantir o direito constitucional de ir e vir e o abastecimento das cidades. Ao mesmo tempo, Moisés determinou que a instalação de um Centro de Gerenciamento de Controle na Defesa Civil para monitorar a mobilização dos caminhoneiros em Santa Catarina.

Em 2018, quando houve a greve dos caminhoneiros, o então governador Eduardo Pinho Moreira agiu no mesmo sentido e também criou o mesmo grupo na Defesa Civil. À época, a Polícia Militar (PM-SC) foi uma das responsáveis por auxiliar nas negociações e abertura das estradas bloqueadas.

Agora, segundo a coluna apurou, as inteligências das polícias também já atuam nas últimas horas em SC por conta da paralisação. O assunto foi pauta da reunião do Colegiado Superior de Segurança Pública (SSP-SC) no tarde desta quarta-feira (08).

Fonte NSC Total / Anderson Silva


Comente