Informativo

Taió recebeu alunos da FURB para conhecer os fósseis Heteropecten Catharinae, “as conchas”

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Na tarde da última sexta feira, 19/11, a diretora de Turismo e atual gestora do Museu Paleontológico, Arqueológico e Histórico Prefeito Bertoldo Jacobsen – MUPAH, Marina do Nascimento, recebeu no plenário Erna Heidrich da Câmara de Vereadores de Taió, turmas de diversas fases da graduação em Ciências Biológicas da Universidade Regional de Blumenau – FURB.

RECEBA NOTÍCIAS EU SEU WHATSAPP, CLIQUE AQUI

Na palestra de apresentação dos fósseis, ministrada pela convidada Marina Feliciano Peicher ex diretora do MUPAH, atualmente Coordenadora de Gestão Educacional da Escola de Ensino Fundamental Prefeita Erna Heidrich, Pedagoga e graduanda em História, estiveram presentes em torno de 40 pessoas entre alunos e professores.

RECEBA NOTÍCIAS DO ALTO VALE E SANTA CATARINA PELO TELEGRAM

A palestrante trouxe dados relevantes sobre a descoberta, história e pesquisas das conchas Heteropecten Catharinae, bem como enfatizou a importância da preservação do patrimônio histórico, cultural e natural para a humanidade.

Após a apresentação, Marina do Nascimento acompanhou os alunos e professores em visita a um dos afloramentos de fósseis existentes em Taió, lá o grupo pode vivenciar a experiência de estarem em um local de pesquisa, a céu aberto, lugar onde ocorreu há milhões de anos a fossilização das conchas, sugerindo que ali um dia foi banhado pelas águas do mar.

Fechando a visita a campo, a diretora Marina do Nascimento enfatizou que “o município trabalha para o reconhecimento da necessidade de preservação e do sentimento de pertencimento dessa história, dessa riqueza, desse patrimônio da humanidade. E ainda informou que de acordo com a Constituição Federal de 88, os sítios históricos, inclusive os paleontológicos são considerados patrimônio cultural brasileiro, portanto o poder público em conjunto com a comunidade promoverá e protegerá o patrimônio cultural brasileiro. Zelar pela preservação é um dever de todos, o que se encontra nos afloramentos devem permanecer nos afloramentos, salvo em caso de endosso de pesquisas, com tramitação legal.”


Comente