Santa Catarina

Uso de máscara ao ar livre em SC deve ser liberado em novembro

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

Nesta segunda-feira (25), o superintendente de Vigilância em Saúde de Santa Catarina, Eduardo Macário, informou que a Secretaria de Estado da Saúde tem estudado a possibilidade de flexibilização do uso de máscaras contra a Covid-19 no estado. Atualmente, normas federais e estaduais obrigam o uso do equipamento de segurança em ambientes internos e externos.

RECEBA NOTÍCIAS EU SEU WHATSAPP, CLIQUE AQUI

“Nós temos discutido isso internamente. Outros estados também têm discutido, o momento em que a gente possa dar o próximo passo que seria desobrigar o uso de máscaras para aqueles locais que apresentam menor risco. […] Aquele momento que nós tenhamos uma cobertura vacinal adequada e que possamos fazer uma comunicação correta entre todos os municípios e cidadãos sobre quais momentos ele deve usar a máscara, para segurança própria e a dos outros”, declarou o superintendente de Vigilância em Saúde.

RECEBA NOTÍCIAS DO ALTO VALE E SANTA CATARINA PELO TELEGRAM

A declaração ocorre após a cidade de Criciúma, no Sul catarinense, tornar facultativo o uso de máscaras de proteção em ambientes externos por pessoas que tenham o esquema vacinal completo contra a Covid-19, na sexta-feira (22).

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) informou nesta segunda-feira (25) que segue avaliando a decisão municipal. Segundo o órgão, o município não pode ser mais permissivo do que determinações estaduais e federais no controle da doença.

O que diz Ministério da Saúde

O Ministério de Saúde de manifestou por meio de nota neste sábado (23), após ser procurado pelo g1.

“O Ministério da Saúde esclarece que realiza um estudo para avaliar a flexibilização do uso de máscara com o avanço da vacinação no Brasil assim como já ocorre em outros países.Cabe destacar que a pasta encomendou à Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) a revisão sistemática do estudo, ainda em elaboração”, informa a pasta federal.

Fonte: G1/SC


Comente