Saúde

Vacina contra a Covid-19: veja quem serão os primeiros a tomar

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

O mundo está otimista para a chegada da vacina contra a Covid-19. Foi divulgado na quarta-feira (2), o Plano Nacional de Vacinação contra o novo coronavírus, criado pelo Ministério da Saúde. Ele terá quatro fases no total.

+ Faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp, acesse aqui!!

Assim que as vacinas forem liberadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa, estima-se que 109,5 milhões de brasileiros sejam imunizados com, pelo menos, duas doses dela.

Quem vai poder tomar a vacina contra a Covid-19?

Fase 1

Na primeira fase, os primeiros brasileiros que serão imunizados são os trabalhadores da saúde, idosos a partir de 75 anos e indígenas. Os idosos acima de 60 anos que vivem em instituições de acolhimento como, casas de repouso e asilos, também estarão dentro da fase 1 da vacinação.

Fase 2

Já na segunda fase da vacinação será destinada a pessoas que tem entre 60 e 74 anos. Também estão nessa lista, pessoas de qualquer idade que apresentem comorbidades, ou seja, maior chance para agravamento da doença.

Fase 3 e 4 da vacina contra a Covid-19

Na quarta e última fase serão vacinados: professores, profissionais de segurança e salvamento, funcionários do sistema prisional e detentos.

Quando a vacinação deve começar no Brasil?

De acordo com o edital divulgado pelo Ministério da Saúde, o plano preliminar de imunização deve começar em março.

Haverá doses da vacina contra a Covid-19 para todos?

Não. O Ministério da Saúde, não haverá doses suficientes para atender a população brasileira em 2021.

Segundo o secretário de Vigilância em Saúde da Pasta, Arnaldo Medeiros, o plano apresentado é uma preliminar e que sua estrutura final dependerá das vacinas disponibilizadas. “É importante destacar que o plano que está sendo discutido ainda é preliminar e sua validação final vai depender da disponibilidade, licenciamento dos imunizantes e situação epidemiológica de cada região”, disse o secretário.

Quais são as vacinas existentes da Covid-19 até agora?

Até o momento a Anvisa estuda vacinas desenvolvidas pelos laboratórios Pfizer, Astrazeneca (em parceria com a Universidade de Oxford) e Sinovac (em parceria com o Instituto Butantan).

Por meio de acordos com a Fiocruz/AstraZeneca (100,4 milhões) e Covax Facility (42,5 milhões), o Brasil já possui cerca de 142,9 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 garantidas.

Ministério da Saúde se reuniu também, com representantes dos laboratórios Pfizer BioNTech, Moderna, Bharat Biotech (Covaxin) e Instituto Gamaleya (Sputnik V), que possuem vacinas em estágio avançado de pesquisa clínica.
De acordo com o ministro da saúde, Eduardo Pazuello, nenhuma das vacinas está descartada. “Estamos na prospecção de todas as vacinas. Todas são importantes”, pontuou.


Comente