Saúde

Vacinação contra Covid-19 deve começar até março de 2021

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

A presidente da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz), Nísia Trindade Lima, afirmou na manhã de ontem(2) que a imunização da população contra a Covid-19 com a vacina de Oxford, produzida em parceria com a farmacêutica AstraZeneca, deve ter início ainda no primeiro trimestre de 2021.

+ Faça parte do nosso grupo de notícias no WhatsApp, acesse aqui!!

Segundo a pesquisadora, a produção da vacina tem previsão para começar entre janeiro e fevereiro. A Fiocruz irá fabricar a vacina da Universidade de Oxford com a biofarmacêutica AstraZeneca quando ela for aprovada.

“A expectativa é que possamos encaminhar a vacina entre os meses de janeiro e fevereiro para começar a produção. A Anvisa (Agência de Vigilância Sanitária) irá acompanhar todo o processo. Assim, temos a expectativa de que o processo de imunização (no Brasil) comece a ser feito no primeiro trimestre de 2021”, afirma Nísia Trindade Lima. […]

A declaração foi dada após um ato pelo Dia de Finados com a presença de 50 pessoas no Cemitério da Penitência, no Caju, Rio de Janeiro. Na ocasião, foi inaugurada a “Chama da Esperança”, que só será apagada quando houver a descoberta de uma vacina. Parte das chamas foram levadas à Fiocruz.

Liberdade e responsabilidade

O ato foi realizado pelo arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, que diz que a igreja apoia a ciência para a produção e a distribuição das vacinas contra a Covid-19.

O cardeal disse que “cada pessoa tem liberdade” para aceitar ou não a imunização, porém, pediu que a população se vacine.

Durante a celebração, o padre afirmou que “a vida não termina com a morte e que parentes de vítimas da Covid-19 devem ter confiança em dias melhores”, já que não puderam enterrar seus parentes.

“Esse é um dia em que temos de ser solidários com tantas pessoas que sofrem nesse ano: com as famílias que perderam seus entes queridos, que não puderam fazer o velório e entregá-los a Deus. Por isso rezamos a missa. Que as pessoas que perderam seus entes queridos sigam a vida tomando todas as precauções”, declarou.


Comente